Perito Judicial Engenheiro Civil: O que faz, quanto ganha, qual área atuar?

Olá, pessoal tudo bem? Atuo com perícia judicial e no artigo de hoje eu vou mostrar para vocês um pouco sobre como funciona o processo de cadastramento e como se tornar um perito judicial engenheiro civil. Um passo importante para sua carreira de engenheiro civil e para melhorar a atuação com perícias.

Confira também: PARA REFORMA EM APARTAMENTO É NECESSÁRIO LAUDO TÉCNICO?

O que faz um Perito Judicial Engenheiro Civil?

Na esfera judicial o profissional é nomeado pela vara judicial, para se tornar um auxiliar do juízo. Assim, o profissional com o laudo técnico precisa auxiliar o juiz a compreender questões técnicas de áreas específicas. Na esfera extrajudicial o profissional é contratado para ser assistente técnico e identificar contradições no laudo pericial.

Quais as áreas do Perito Engenheiro Civil?

O perito engenheiro civil pode tanto trabalhar na esfera judicial, quanto na esfera extrajudicial em parceria com advogados.

As áreas de trabalho para Perito Engenheiro Civil se concentram em :

  • Avaliação de imóveis;
  • Avaliação de patologias na construção;
  • Vistorias de imóveis;
  • Perícias;
  • Assistente técnico extrajudicial.

Quais áreas Perito Judicial Engenheiro pode atuar?

Para ser Perito judicial Engenheiro é necessário ter nível superior, e esta regularizado pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA), as áreas correspondem:

  • Engenharia Civil;
  • Engenharia de Segurança do Trabalho;
  • Engenharia química;
  • Engenharia ambiental;
  • Engenharia de Produção;
  • Engenharia Mecânica.

Como ser um Perito Judicial Engenheiro Civil?

Assistência Técnica Judicial em Residência

Então, vamos lá: O primeiro passo que precisa saber para se tornar um perito judicial basta ser engenheiro civil ou ter outras engenharias, por exemplo engenheiro de segurança do trabalho, produção, etc.

Para a área de Engenharia civil, você deve ter registro no Crea ativo, com o registro ativo, você irá fazer o cadastro no tribunal de justiça do seu estado, é bem simples, assim pesquise na internet e na aba de cadastro de peritos do tribunal de justiça do seu estado, lá irá colocar toda documentação necessária para te aprovar como perito.

É muito simples, são documentações básicas, somente uma certidão que você vai ter que emitir no Crea, essa certidão ela irá ser válida por alguns dias, assim após intensa documentação o seu cadastro é aprovado em torno de três a sete dias.

Com a aprovação da documentação aceita sem nenhuma pendência, você irá para o banco de peritos no tribunal. Em seguida você começa a receber nomeações de processos, e pode ser que seja justiça gratuita.

Existem várias perícias, a perícia de avaliação, perícia patológicas, perícias de insalubridades e periculosidades, e entre outras. Então tudo vai está detalhado na proposta, porém cada estado tem um valor diferente e documentações diferentes.

Com o cadastro feito você irá receber a sua primeira proposta, normalmente é rápida, por isso é importante anexar os documentos, e o currículo com todos os seus cursos complementares, o local onde foi feita a graduação, cursos complementares, pós graduação, etc.

Geralmente a analise é feita de acordo com o perfil, a perícia se encaixa nas experiências que você possui, por exemplo: Se você fez curso de avaliação de imóveis e não fez de patologia, a grande maioria de perícias que irão surgir será de avaliação de imóveis. O tribunal possui esse consenso e envia perícias de acordo com o conhecimento e experiência que já tem.

Assim que for nomeado, o prazo para para aceitar ou recusar a proposta pericial são de 7 dias úteis. Se caso você aceitar a nomeação, irá precisar ir na vara cível que foi selecionado para pegar o processo, ler o mesmo, e entender do que se trata, aí dentro desse processo, que você vai ver quais são os quesitos.

Através dos quesitos o perito vai analisar o que eles estão pedindo por exemplo, se foi uma uma perícia de avaliação de imóveis urbanos, ou uma pericia patológica. A grande maioria das pericias que surgem de avaliação já tem os quesitos pré-preparados, tipo do imóvel? o valor de novos imóveis para venda? O valor do imóvel para aluguel? Esses são alguns exemplos de quesitos que você pode encontrar.

Responder a todos os quesitos é a parte mais importante do laudo, porque é através dele que você esclarecer toda dúvida, vai fazer o juiz entender as questões de fato. Enfim, caso seu processo, seja um processo de avaliação de imóveis para bancos, você vai ter que prestar atenção na NBR por quê, ela rege toda avaliação de bens imóveis.

Na própria internet você consegue achar muito material bom, modelos de laudos técnicos para iniciar na área, e claro iniciar com parcerias. Assim, você começa a se familiarizar com a perícia, como funciona, e com isso ganhar experiência e expertise na área, o conhecimento com prazos, nomeações, as petições e entre outros detalhes.

Quanto ganha um perito judicial em engenharia civil?

Geralmente, a hora trabalhada é regulamentada pela tabela do Ibape Nacional, porém se for justiça gratuita você irá receber a proposta com os honorários já definidos, pois é tabelado pelo tribunal de cada estado.

Entre em contato conosco ligue para (21) 98523-0426 ou clique aqui e fale conosco por e-mail.

One Response

  1. Carlos Martins abril 9, 2022

Leave a Reply